Família Leptodactylidae

Pseudopaludicola saltica

(Cope, 1887)

Rãzinha-saltadora

Endêmico do Cerrado Comum
Campos
Cerrado
Mata Ciliar
Mata de Galeria
Ocorrência
Jan
Fev
Mar
Abr
Mai
Jun
Jul
Ago
Set
Out
Nov
Dez

Pseudopaludicola saltica

(Cope, 1887)

Rãzinha-saltadora

Endêmico do Cerrado Comum

Pseudopaludicola saltica

(Cope, 1887)

Rãzinha-saltadora

Endêmico do Cerrado Comum
Campos
Cerrado
Mata Ciliar
Mata de Galeria
Ocorrência
Jan
Fev
Mar
Abr
Mai
Jun
Jul
Ago
Set
Out
Nov
Dez

É uma espécie de tamanho médio para o gênero, mas de porte pequeno em relação aos anuros. É um anuro terrestre, diurno e noturno, e insetívora. Pode ser encontrada vocalizando no chão encharcado, ou sobre afloramentos de rochas, próximos a filetes de água. A desova é depositada sobre a vegetação aquática submersa e os girinos permanecem em valas no fundo de rios de areia ou rocha com fluxo contínuo de água. É uma espécie endêmica do Cerrado, mas com ampla distribuição neste bioma. Apresenta algum grau de tolerância às modificações no habitat, uma vez que já foi observada utilizando áreas de pastagem. No entanto suas principais ameaças são construções de reservatórios hidroelétricos e expansão das fronteiras agropecuárias.

Diagnose

Pode ser diagnosticada das demais espécies deste gênero por apresentar pernas posteriores mais longas e robustas. Possui uma linha vertebral que está presente em 30% dos indivíduos e podem também apresentar manchas dorsolaterais de coloração bege-clara. A coloração dorsal pode variar de marrom-claro ao marrom-oliváceo com padrão de manchas indistintas de coloração marrom-escuro presente também na região posterior da coxa, tíbia e pés. O focinho é acuminado em vista lateral, os dedos possuem franjas dérmicas vestigiais e as pontas são arredondadas.

Anfíbios dos Veadeiros

  • Anfíbios dos Veadeiros

Um projeto batráquio!