Família Hylidae

Scinax squalirostris

(Lutz, 1925)

Perereca-nariguda

Comum
Campos
Cerrado
Ocorrência
Jan
Fev
Mar
Abr
Mai
Jun
Jul
Ago
Set
Out
Nov
Dez

Scinax squalirostris

(Lutz, 1925)

Perereca-nariguda

Comum

Scinax squalirostris

(Lutz, 1925)

Perereca-nariguda

Comum
Campos
Cerrado
Ocorrência
Jan
Fev
Mar
Abr
Mai
Jun
Jul
Ago
Set
Out
Nov
Dez

Essa espécie possui seu corpo fino e bem alongado, seu epíteto específico squalirostris significa rosto de tubarão. Seu corpo é desenhado especialmente para o lugar onde vive, estão associadas à touceiras de capim, camuflando-se super bem com as listras de seu dorso. É um anuro de hábitos noturnos e de áreas abertas, utilizando gramíneas e arbustos de lagoas permanentes ou temporárias. É comumente encontrada em áreas rurais utilizando também abrigos artificiais e já foi observada reproduzindo em açudes e áreas antropizadas. Possui uma ampla distribuição geográfica tanto no Brasil como em outros países e não é considerada uma espécie com ameaças diretas. A desova é submersa e aderida à vegetação e pode ser encontrada em pequenos corpos d’água permanentes e temporários.

Diagnose

Caracterizada por possuir coloração dorsal castanho-alaranjado ao marrom claro com a presença de faixas largas, longitudinais, de cor branca, prateado a dourado, que iniciam no focinho, atravessam o globo ocular e se estendem até a cintura pélvica. Possui o focinho bastante alongando e os membros bem esguios, com manchas marrom escuras, podendo formas linhas longitudinais em alguns indivíduos. Ventre branco-amarelado ao esverdeado. Discos digitais presentes, porém pouco desenvolvidos.

Você sabia?


Um indivíduo encontrado na ARIE-JK foi escutado cantando as 17h

Anfíbios dos Veadeiros

  • Anfíbios dos Veadeiros

Um projeto batráquio!